Carlo Ancelotti: Sessão de Treino antes da Final da Liga dos Campeões da UEFA contra o Atlético de Madrid

O Real Madrid treinado pelo Italiano Carlo Ancelotti fez na 6ª Feira (23/04/2014) a última sessão de treino antes da Final da Liga dos Campeões da UEFA (24/05/2014) contra o Atlético de Madrid.

Com o apoio do software desportivo TacticalPad (https://www.tacticalpad.com/tacticalpad/index.php) mostrámos em que consistiu a Sessão de Treino.

O Real Madrid acabou por conquistar a Liga dos Campeões da UEFA atingindo a tão procurada “La Décima”.

A Sessão realizada no Estádio da Luz (Lisboa – Portugal) teve a duração de 50 minutos.

1. Diálogo Inicial com os Jogadores:

Com todos os jogadores reunidos em redor do treinador e restante equipa técnica foram dadas as indicações em relação à sessão de treino.

Duração: 2 minutos.

Diálogo Inicial

2. Ativação Geral:

Todos os jogadores lado a lado numa das partes do campo, realizaram os movimentos indicados pelo treinador adjunto, correndo de uma lateral à outra da grande área (até meio realizaram o movimento indicado, depois alargaram a passada – aceleração progressiva).

i) Deslocamentos laterais (para um lado e outro); ii) Skipping à frente e atrás; iii) Pontapear à frente (uma perna e a outra); iv) Rodar para dentro (adutores), uma perna e a outra; v) Pontapear lateralmente (uma perna e a outra); vi) Rodar para fora (abdutores), uma perna e a outra; vii) Skipping lateral (para um lado e para o outro); viii) Aceleração de um lado ao outro.

Duração: 4 minutos.

Ativação Geral

3. “Meínho 8×2”:

Equipa dividida em 2 grupos de 10 jogadores (Guarda-Redes à parte). Cada grupo realizou um “Meínho de 8×2” a 1 toque saindo do “meio” o jogador que lá estivesse há mais tempo.

Duração: 5 minutos.

4. Skipping Rápido e Sprint:

Com a equipa dividida em 2 filas (Guarda-Redes à parte), ao sinal do treinador partiam em máxima velocidade os dois primeiros de cada uma das filas, retornando depois a passo para o final das filas e partindo os seguintes e assim sucessivamente.

Os jogadores começaram por fazer skipping rápido, apoiando 1 pé em cada espaço entre as 8 “barreiras pequenas” (próximas umas das outras) e em seguida fizeram sprint à máxima velocidade em 10 metros.

Número de Repetições: 4.

5. Saltos a Pés Juntos, Apoio a 1 pé entre as barreiras e Sprint:

Com a equipa dividida em 2 filas (Guarda-Redes à parte), ao sinal do treinador partiam em máxima velocidade os dois primeiros de cada uma das filas, retornando depois a passo para o final das filas e partindo os seguintes e assim sucessivamente.

Os jogadores começaram por fazer saltos a pés juntos nas primeiras duas barreiras (quase não fletindo as pernas e com as mãos nas ancas), em seguida aceleraram e com passos amplos apoiaram 1 pé (alternando pé direito com o pé esquerdo) entre cada uma das 8 barreiras (bem afastadas umas das outras), fazendo em seguida um sprint de cerca de 20 metros.

Número de Repetições: 2.

6. “GR+10×10+GR”:

No espaço assinalado (meio-campo completo em todo o seu comprimento e com a largura reduzida em alguns metros de ambos os corredores) o Treinador dividiu os jogadores em 2 equipas (titulares e não titulares misturados) e realizaram jogo “GR+10×10+GR”. Os jogadores na 1ª parte só podiam jogar no máximo a 2 toques e na 2ª parte jogaram sem limitação quanto ao número de toques. Sempre que a bola saía do espaço de jogo, recomeçavam a jogar a partir do Guarda-Redes da equipa que ficava com a posse da bola.

Duração: 2 partes de 8 minutos cada com 2 minutos de pausa entre elas para alongamentos, hidratação e troca de campo.

7. Finalização de fora da Grande Área:

Equipa dividida em duas filas no corredor central em frente à grande área. Todos os jogadores com 1 bola. Alternadamente, o 1º de uma das fila passava a bola para o treinador adjunto que estava à sua frente e rematava de primeira de fora da área, recolhia a bola e deslocava-se para a outra fila, iniciando o 1º da outra fila e assim sucessivamente.

Iniciaram com uma tabela simples (passa a bola ao treinador, treinador passa para o remate de primeira) e depois passaram para uma dupla tabela (passa a bola ao treinador, treinador passa, passa-a novamente ao treinador, treinador passa para o remate de primeira).

8. Finalização após Cruzamento Lateral:

Jogadores divididos em quatro filas: duas no corredor central com bola e duas nos corredores laterais. Os primeiros das filas centrais (um deles com uma bola) passava para um dos jogadores colocados num dos corredores laterais (para junto do espaço lateral ao lado da grande área) que de primeira realizava o cruzamento para os das filas centrais finalizarem de primeira dentro da grande área. Em seguida os segundos das filas no corredor central passavam a bola para o outro corredor e assim sucessivamente.


ADD IT TO YOUR NOTEBOOKS!

You need to login or register to bookmark/favorite this content.


YOU CAN BE INTERESTED IN

Bookmarked By

By TacticalPedia

The most comprehensive Encyclopedia for Football Coaching From Coaches to Coaches

Leave a Reply