Mineiraço: Os 7 pecados “mortais” da Seleção Brasileira na maior humilhação futebolística da história – Mineiraço: The seven “deadly” sins of Brazil in the greatest football humiliation of its history

O jogo das Meias Finais do Mundial FIFA Brasil 2014 entre a Alemanha e o Brasil ficará para sempre gravado na história do futebol mundial.

A goleada de 7-1 imposta pela Alemanha à Seleção Brasileira (que a jogar em casa tinha a esperança de atingir o Hexa Campeonato) marcará para sempre o desporto favorito do planeta.

Depois de herói aquando da conquista do Penta em 2002, Luiz Felipe Scolari passa a ser o vilão do Brasil.

Em seguida analisámos os erros cometidos pela Seleção Brasileira na 1ª Parte do Jogo que originaram uns impensáveis 5-0 ao intervalo.

Alemanha

Brasil

Imagens 3D criadas com o software desportivo TacticalPad.

1º Golo:

Pontapé de Canto. Utilização de marcação mista (4 a fazer marcação individual aos adversários e restantes à zona).

1a

Aproveitando a marcação individual da seleção brasileira, os alemães arrastaram os brasileiros para o 1º poste, indo Klose fazer um bloqueio (tão em moda em Portugal devido a Jorge Jesus e Vítor Pereira, na altura treinadores do SL Benfica e FC Porto respetivamente) a David Luiz que era o responsável por marcar Muller, que se deslocou para a zona em frente à baliza completamente sem oposição.

1b

Na imagem seguinte vemos como Muller está completamente isolado numa zona proibida da grande área. O jogo deve ser jogado coletivamente, desta forma parece-nos que a Defesa à Zona nos Pontapés de Canto e nas restantes situações em que se recomeça o jogo é a mais adequada para o futebol já que nos permite defender os espaços mais perigosos evitando que sejamos arrastados para outros espaços pela marcação aos adversários.

1c

2º Golo:

Equipa mal colocada em Organização Defensiva (muito espaço entre os jogadores e má pressão sobre o lado da bola). Na imagem mostrada em seguida, vemos como Óscar não fecha o espaço interior da equipa, permitindo um passe para a zona central. Vemos também como Fernandinho e Bernard se encontram mal posicionados, já que os dois deviam estar mais perto de Luiz Gustavo que se opõe ao portador da bola (Bernard está inclusivamente fora da linha de meio-campo).

2aFernandinho aquando do passe para Kroos na zona central tentou interceptar a bola mas não o conseguiu.

2bAssim Kroos conseguiu ficar numa posição privilegiada para criar perigo, beneficiando também da pouca agressividade defensiva de Dante que não o pressionou de imediato, dando-lhe tempo e espaço para pensar e ver Muller a entrar no espaço central nas costas dos defesas adversários. Aqui Muller aproveitou o facto de Marcelo estar completamente fora de posição, não se colocando em linha com os restantes colegas da defesa.

2c

3º Golo:

Novamente em Organização Defensiva vemos como os Médios estão mal posicionados já que não fecham o espaço entre a linha média e a linha defensiva, permitindo que um adversário recebesse a bola nesse espaço.

3a

Existe depois também a ausência de apoio defensivo e basculação para o lado da bola por parte do Extremo Direito Bernard, que permite a Kroos aparecer livre de oposição à entrada da grande área para rematar à baliza.

3b

3e

4º Golo:

Em 1ª Fase de Construção da Organização Ofensiva, Dante coloca a bola para Fernandinho que a recebe de costas para a baliza adversária sendo imediatamente pressionado por Kroos.

4b

Fernandinho demorou muito tempo a soltar a bola para um colega e deixou que Kroos lhe ganhasse a bola, devia ter devolvido a um jogador da sua equipa que estivesse “de frente para o jogo”.

4c

Podemos observar na imagem anterior e na seguinte, que quando Ferandinho perdeu a bola, apenas ele e Dante tiveram uma reação rápida para evitar o golo adversário. David Luiz e Luiz Gustavo demoraram muito tempo a reagir à perda da bola e não ajudaram os seus colegas, deixando que eles ficassem numa situação de 2×2 com os alemães.

4d

5º Golo:

Tudo se inicia em David Luiz que na 1ª Fase de Construção da Organização Ofensiva coloca a bola à sorte para a frente, indo a mesma para o Central alemão Hummels.

5a5b

Depois de receber a bola, Hummels com espaço para progredir, avançou pela zona central sem que Óscar, Hulk e Fernandinho fechassem a zona interior, impedindo-o de progredir por aí.

5c

5dQuando finalmente pressionado por mais dois jogadores brasileiros (David Luiz e Luiz Gustavo) viu-se obrigado a colocar a bola num colega. Nesta situação mais uma vez Marcelo ajudou os alemães já que novamente se encontrava a colocar em jogo os adversários, não estando em linha com os restantes elementos da sua linha defensiva.

5f


ADD IT TO YOUR NOTEBOOKS!

You need to login or register to bookmark/favorite this content.


YOU CAN BE INTERESTED IN

Bookmarked By

Leave a Reply